quarta-feira, 22 de abril de 2015







nolvidável



O integral esquecimento da totalidade não impede a memória da parte